Posts Marcados Mundo

Painel Global


O Painel Global é o único aplicativo em Língua Portuguesa que mostra a Terra em tempo real. Fenômenos naturais como terremotos, vulcões, furacões, tsunamis, icebergs ou eventos climáticos são plotados sobre o mapa assim que reportados pelas diversas instituições científicas de monitoramento.

Atualmente o Painel Global está capacitado a registrar todos os terremotos de pequena, média e grande intensidade que acontecem em qualquer parte do planeta, assim como as temperaturas recordes informadas por mais de 120 aeroportos que operam no Brasil e outros 350 ao redor do mundo.

Vulcões, maremotos, tsunamis e furacões são constantemente monitorados pela nossa equipe e assim que informadas as coordenadas do evento são plotados e destacados no mapa.

Nosso objetivo é fornecer um painel informativo de fenômenos naturais destinado às agências de notícias e ao público em geral, ávidos por informações geofísicas que possam ajudar no planejamento diário das diversas atividades, com destaque para viagens de negócios ou análises de risco aos empreendimentos próximos às áreas afetadas.

O Painel Global não é um aplicativo fechado. Ele estará sempre em constante evolução para que possa representar com precisão todos os eventos naturais que ocorrem diariamente, mas que até agora eram mal divulgados ou dispersos através dos diversos sites e portais informativos brasileiros.

Terremotos abaixo de 3.5 graus que ocorrem nos EUA, em especial a Califórnia, não são plotados.
Quando se olha o Painel Global pela primeira vez, a primeira coisa que vemos são duas grandes regiões claras e escuras. A zona clara representa as áreas da Terra iluminadas pelo Sol enquanto a zona escura mostra as regiões do planeta tomadas pela escuridão noturna. A linha imaginária que separa as duas regiões recebe o nome de “terminador”, e é ela quem divide a Terra em dia e noite.

Sol a Pino O círculo amarelo no centro da área clara representa o Sol. Abaixo dele, por volta do meio-dia, o Sol se posiciona exatamente sobre a cabeça dos habitantes e quando isso acontece diz-se que o Sol está “a pino”. A sombra projetada das pessoas e dos objetos é nula e a região experimenta um intenso bombardeio de raios ultravioleta extremamente perigosos à saúde. Evite sair sob o sol a pino e se o fizer o uso de protetor solar e boné é fundamental.

Hora UTC No canto inferior direito um relógio marca a hora do tempo universal, UTC. Para saber a Hora Oficial do Brasil é só tirar 3 horas daquela informada no UTC. A Hora UTC é também de Hora GMT ou Hora ZULU.

Estação Espacial Na outra extremidade o Painel Global mostra os dados atuais da Estação Espacial Internacional – ISS – entre eles a latitude e longitude imediatamente abaixo da estação, a distância até a cidade de São Paulo, o período de uma órbita completa e a altitude da Estação. Em breve o usuário poderá colocar os dados da própria localidade e com isso ter dados regionalizados sobre a viagem da Estação.

A linha pontilhada em vermelho mostra o trajeto da ISS na órbita atual enquanto a linha pontilhada em azul mostra a órbita seguinte. Cada ponto plotado equivale a aproximadamente 1 minuto no trajeto da ISS, plotada constantemente no mapa.

Site Aqui: Painel Global

Deixe um comentário

Coreia do Sul “bombardeia” a do Norte


O exército  da Coreia do Sul enviou hoje dezenas de milhares de balões de hélio em direção àCoreia do Norte.  Cada balão estava “carregado” com panfletos  informando sobre as revoluções que estão acontecendo em países da África e do Oriente Médio. O texto também declara que  ”todo regime ditatorial está destinado a entrar em colapso” .

Essa estratégia não é novidade, a Coreia do Sul faz isso há anos, como parte de sua campanha de uma “guerra psicológica” permanente contra Kim Jong-il. Estima-se que já foram mandados mais de 3 milhões de panfletos. Este mês os sul-coreanos também enviaram através de balões comida, remédios e aparelhos de rádio. Esse tipo de envio foi retomado depois de ter ficado suspenso por 11 anos.

Os norte-coreanos não tem acesso livre à internet e toda a programação de TV é controlada pelo governo. Certamente a grande maioria da população não tem ciência dos últimos acontecimentos mundiais. Tampouco podem usar Twitter e Facebook para planejar algo, como ocorreu no Egito. Por isso a mobilização se torna muito mais difícil. Embora o uso de panfletos, (popularizado durante a Segunda Guerra) pareça arcaico em grande parte do mundo, ainda é eficaz em um país que parece parado no tempo.

O constante racionamento de comida e a repressão política do governo vem criando uma crescente instabilidade. Há registros de tentativas de manifestações durante as comemorações oficiais do aniversário de 69 anos do ditador duas semanas atrás. Mas a polícia rapidamente pôs fim ao protesto.

O regime norte-coreano só se sustenta graças à ajuda da vizinha China. A crescente pressão externa, sobretudo dos EUA, podem prejudicar a continuidade desse tipo de colaboração. Kim Jong-il está com a saúde debilitada desde que sofreu um AVC em 2003. Recentemente anunciou que Jong-un, seu filho,  o sucederá na presidência.

Pavanews, com informações de Bloomberg Gawker

Deixe um comentário

Menino de 4 anos morre, vai ao céu e volta para contar o que viu


Experiências de quase morte são controversas. Já foram analisadas e estudadas exaustivamente, sem que haja uma palavra final sobre o assunto. Para alguns não passa de alucinação, para outros é algo profundamente espiritual.

Colton e seu pai, Todd Burpo

Nos últimos dias tem se debatido muito, nos Estados Unidos, a história de Colton Burpo. Quando este filho de um pastor metodista do Nebraska tinha quatro anos (em 2003), teve uma apendicite que foi diagnosticada errada. Assim que os médicos descobriram o que havia ocorrido, ele foi submetido a uma operação de emergência. Ele não resistiu, disseram os médicos, e ele foi dado como morto.

Deitado na cama de um hospital, o menino narra que pode ver sua alma subindo até o céu. Ele descreve que viu e ouviu o que seu pai orava e o que sua mãe fazia nos corredores do hospital. Chegando ao céu, encontrou seu bisavô e conversou com a irmã mais velha que nunca conheceu, pois sua mãe teve um aborto espontâneo, assuntos que ele desconhecia até então.

Ele narra que viu e conversou com Jesus, que andava em um cavalo que somente ele podia montar. Descreveu ainda uma visão de Deus “muito grande”, sentado em uma cadeira muito alta. Depois de algum tempo no céu, tendo visões que se assemelham em muitos aspectos ao que diz o livro de Apocalipse e conversar com personagens bíblicos como João Batista, o menino voltou à Terra.

Ele reviveu e relatou tudo que experimentou ao pai, Todd, que decidiu registrar em um livro chamado “Heaven is for real” [O Céu é de verdade], lançado pela Thomas Nelson AQUI. O livro tem o prefácio de Don Piper, que também escreveu uma obra narrando como foi sua experiência no céu AQUI e que endossa o testemunho de Colton.

Este não é o primeiro livro escrito por pessoas que alegam ter visitado o céu. O que chama atenção é o fato de ser narrado por uma criança de quatro anos de idade. Segundo seu pai, muitas das coisas que ele narra não seriam possíveis para ele conhecer. Desde a história da perda da irmã no ventre materno até detalhes sobre a visão celestial que corroboram com a narrativa do apóstolo João no livro de Apocalipse.

No início desta semana o menino e o pai foram entrevistado pela rede americana Fox, no programa Fox & Friends (vídeo abaixo). O que era para ser uma simples promoção de seu livro (qua acaba de ser lançado)  se transformou quase imediatamente em uma controvérsia  nacional. Centenas de sites e blogs reproduziram a entrevista, muitos elogiaram a emissora enquanto um outro grupo fazia pesadas críticas ao que consideram uma tentativa da direita cristã de impor sua agenda e usar o menino para isso. OS detalhes fornecidos pelo jovem Burpo de que todos são jovens no céu e que os olhos de Jesus são azuis criaram controvérsia também no meio religioso. O livro já tinha passado das 100.000 cópias vendidas antes de toda essa exposição de mídia e agora certamente irá ter uma procura ainda maior.

Não há previsão do lançamento do livro no Brasil, mas Quem quiser pode acessar o site promocioanl AQUI e ler um trecho (em inglês).

Agência Pavanews, com informações de FoxnewsImperial

Fonte Pavablog

 

Deixe um comentário

Prisioneiros de um Deus branco


“A própria palavra “cristianismo” é já um equívoco – no fundo só existiu um cristão, e esse morreu na cruz. Aquilo a que desde então se chamou “Evangelho” era o contrário do que o Cristo havia vivido: uma “má nova”, um Dysangelium.” Friedrich Nietzsche

Esse é um trecho de “Prisioneiros de um Deus branco”, documentário de Steve L. Lichtag, produção da República Checa, que mostra o povo indígena Akha, que vive nas montanhas do Laos e da Tailândia, na Ásia, e enfrenta o desafio de preservar sua cultura diante de constantes interferências e absurdos cometidos por missionários evangélicos que exploram crianças e famílias.

O documentário é forte e chocante, e ganhou diversos prêmios na Rússia, Eslováquia e República Checa.

via Paulo Outeiro, no Manga Church

Assista aqui o documentário na íntegra: PavaBlog

Deixe um comentário

O Mundo Visto do Alto


Encontrei exemplos desta bela arte no abduzeedo. Confira.

Veja +

, ,

Deixe um comentário

ONU


Estamos acostumados a tomar como certo tudo que a ONU diz e determina. Suas estatísticas são incontestáveis. Suas recomendações são ordens. Tudo que de lá vem é bom, por princípio. Pois não é lá que se defende a paz e a harmonia entre os homens? Uma espécie de deus de uma religião pagã? Seus funcionários se metem em tudo através das diversas ‘agências’ – sofisma que será empregado até poderem usar o nome verdadeiro: Ministérios Mundiais. A burocracia já atingiu níveis nunca alcançados em nenhum outro lugar, nem mesmo na URSS. São mais de 130 agências, comissões, sub-comissões, delegacias, inspetorias, etc., das quais conhecemos uma parte ínfima mas pelas quais já se pode perceber o tremendo poder de que dispõem.

É a UNESCO que determina os currículos do mundo inteiro. É a OMS que diz o que podemos comer, como devemos cuidar de nosso corpo e mente, que medidas sanitárias devemos usar. A OMC determina como deve ser o comércio mundial. A AIEA determina quem pode ter armas nucleares. A UNICEF estabelece as categorias nas quais temos que cuidar de nossos filhos, quantos devemos ter. A FAO distribui os plantios agrícolas. O complexo bancário FMI/BANCO MUNDIAL/BID decide quais países serão economicamente viáveis, quais devem falir. São tantas as ‘agências/ministérios’ que nem sei quem determina a falácia chamada IDH – Índice de Desenvolvimento Humano.
(…)
Criada dos escombros de uma das mais sangrentas guerras da história humana por uma população exausta ansiando por paz após seis anos de matanças, a ONU teve as condições propícias para já nascer hipnótica: as pessoas queriam se convencer de que a paz eterna é possível se criado um mecanismo internacional de diálogo entre as nações. Aí fica fácil iludir todo mundo, pois esta é a única condição sine qua non para o hipnotismo: o paciente desejá-lo.
(…)
A ONU não quer a paz! Quer é a guerra; quanto mais guerra mais justifica sua necessidade e mais se apresenta como a única solução. Se acabarem-se as guerras, acaba a ONU. Alguém acredita que interessa aos médicos acabar com todas as doenças e ficar desempregados? Ou que interessa aos advogados fazerem leis simples que todos entendam e possam se defender sozinhos?

Heitor de Paola

, , ,

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: