Posts Marcados Google

A banda larga do Google


Por Fernando Martines

No início do ano o Google anunciou que estava tocando um projeto de oferecer banda larga ultra rápida – um gigabits por segundo, o que é 100 vezes mais rápido que a média do serviço nos EUA – para um número limitado de pessoas. A empresa insiste que não pretende entrar no mercado de provedores e que pretende disponibilizar a conexão para 50 mil ou até 500 mil pessoas pelos Estados Unidos. A iniciativa ficou um pouco esquecida até quinta-feira, 21, quando por meio de seu blog oficial o Google anunciou onde serão realizados os primeiros testes.

—-
• Siga o ‘Link’ no Twitter e no Facebook

Cerca de 850 moradores da Universidade de Stanford serão os primeiros a terem em suas casas a internet de 1 Gbps do Google,. A empresa anunciou parceria com a instituição e a infra-estrutura para que isso seja possível começará a ser levantada no início do ano que vem. Todas as casas que terão o serviço estão localizadas dentro da área residencial da universidade.

A Universidade de Stanford será apenas um teste. O Google ainda não divulgou em quais cidades irá instalar seu projeto. Enquanto isso, os prefeitos norte-americanos fazem de tudo para conseguir que suas cidades levem a banda larga ultra rápida. Topeka, no Texas, cogitou até mudar o nome provisoriamente para Google.

Justificando sua escolha, James Kelly, gerente de produtos do Google, escreveu: “Stanford abriu a possibilidade de nós usarmos as novas tecnologias de fibra óptica em suas ruas.”. Além disso, a proximidade entre a sede da empresa e a universidade foi um ponto que contou: “Ficará mais fácil para nossos engenheiros monitorarem o progresso do sistema”.

A sede do Google fica a poucos quilômetros de distância da universidade.

Estadão

 

Anúncios

Deixe um comentário

Pagos para navegar no Orkut


A necessidade das empresas em influenciar o debate sobre suas marcas nas redes sociais abriu espaço para o surgimento de um novo profissional: o analista de mídia social. Oriundos principalmente dos cursos de comunicação, eles atuam na web produzindo e distribuindo conteúdo, conversando com clientes e monitorando o que é dito sobre as empresas para as quais atuam.

A jornalista Frances Baras é uma que entrou nesse mercado. Ela começou a trabalhar como especialista em redes sociais há 7 meses na Magic Web, empresa curitibana que desenvolve soluções nas áreas de internet e multimídia. Entre as contas da agência, estão empresas como Trainer Assessoria Esportiva, Jasmine Alimentos e Vimo Vídeo Foto, que terceirizam o serviço de mídia social para a Magic. “O trabalho consiste em cuidar das contas dessas empresas nas redes sociais, mas também vai bem além disso. Discutimos temas que podem ser usados nos blogs dos clientes e conversamos com o pessoal da área de otimização para publicar o conteúdo de maneira a dar o máximo de visualização para a marca”, conta ela, que muitas vezes também atua como “ponte” entre consumidor e empresa. “Monitoramos o que está sendo dito e repassamos as dúvidas aos departamentos específicos. Depois, damos o feedback ao usuário.”

Outras empresas optam por “internalizar” o funcionário, como O Boticário. A fabricante de cosméticos conta com um profissional exclusivamente dedicado às redes sociais, mais um grupo de suporte de 10 pessoas para monitorar a web. “O profissional é responsável por avaliar e monitorar o movimento das redes sociais com relação à marca Boticário e aos produtos. O trabalho também visa identificar oportunidades para desenvolver ações estratégicas, estreitar relacionamento com o consumidor, difundir conteúdo de lançamentos, e ainda, obter retorno do consumidor em relação a produtos do Boticário”, diz Renato Vertemati, coordenador de Serviços de Marketing do Boticário.

Mercado

“Esse é um mercado gigantesco, com muito potencial”, diz Joyce Jane, CEO do iDigo – Núcleo de Inteligência Digital, que oferece capacitação em novas tecnologias, com foco no universo corporativo. O Brasil, segundo estudo feito pela consultoria Nielsen, é o país mais conectado em redes sociais. Mais de 85% dos usuários brasileiros passam em média cinco horas por mês nesses sites.

“A consolidação da voz do consumidor faz com que as empresas tenham de se adaptar. O consumidor eliminou o intermediário. Ele não quer mais esperar a boa vontade de um SAC. O pessoal da nova geração é cada vez mais digitalizado, eles gostam e atuam nas rede sociais, e esse movimento só vai se fortalecer”, afirma Joyce.

Para ela, quem quer entrar nesse mercado precisa entender que a atualização e a “reciclagem” profissional é constante. “É preciso se manter o tempo todo um grande estudioso dessa nova comunicação e tem de ser antenado no que está acontecendo. As redes sociais são um caminho que evolui numa rapidez absurda, e a produção de conhecimento na área, com novas plataformas e ferramentas para interagir, é enorme. Então esse profissional precisa ser humilde e reconhecer que não vai estar pronto nunca. É uma atualização constante”, diz.

Entender os mecanismos para aumentar a audiência dos clientes é a dica de Antonio Borba, diretor comercial da Magic Web. Segundo ele, as empresas buscam um analista de rede social especialmente para aumentar sua influência nas ferramentas de busca. “As empresas querem maior visibilidade no Google. O analista precisa saber espalhar o nome da marca, aumentando sua relevância.”

Breno Baldrati, na Gazeta do Povo.

Via PavaBlog

Deixe um comentário

Mais rápido que o flash


O Google anuncia a construção de uma rede de banda larga ultrarrápida, 500 vezes mais veloz que a conexão usada no Brasil. Com a investida, a empresa tenta assumir a liderança na corrida pela internet do futuro

Começa a ficar repetitivo. Na semana passada, o Google anunciou, outra vez, o lançamento de mais um produto que promete transformar a indústria de tecnologia: uma conexão de internet ultrarrápida. A proposta é oferecer uma rede de banda larga cuja velocidade de transmissão de dados seja de 1 gigabit por segundo (Gbps) – 100 vezes a velocidade das conexões por fibra óptica existentes hoje nos Estados Unidos e 500 vezes a velocidade com que os brasileiros navegam na internet. A princípio, a novidade será experimental e beneficiará um pequeno número de cidades. “Planejamos disponibilizar o serviço a um preço competitivo a até 500.000 pessoas e empresas”, afirmou James Kelly, coordenador do projeto no Google. Esse promete ser o primeiro grande passo da companhia fora do mundo virtual. Até então, a maioria dos avanços do Google ocorreu diretamente no campo dos programas para computador e serviços on-line.

Leia +

, ,

Deixe um comentário

Os 9 princípios de inovação do Google


Na revista Fast Company deste mês saiu a lista das 50 empresas mais inovadoras do mundo. É claro que o Google iria encabeçar esta lista. Marissa Mayer, VP de buscadores e e experiência do cliente revelou os 9 princípios de inovação da empresa.

1- Inovação, não perfeição instantânea.

2- Idéias podem vir de qualquer lugar.

3- Permissão para buscar seus sonhos.

4- Transforme os projetos, não mate-os.

5- Compartilhe o máximo de informação.

6- Usuários, usuários, usuários

7- Dados são apolíticos.

8- Criatividade adora limitações.

9- Você é brilhante? Estamos contratando.

Fonte: hsm

, ,

Deixe um comentário

Google: ‘computador ligará tão rápido quanto uma TV’


O novo sistema operacional que o Google está projetando vai ligar computadores tão rápido quanto uma televisão, anunciou a companhia ao demonstrar o Chrome OS – lançado para fazer concorrência direta com Microsoft e Apple.

Fiel às origens do Google na internet, o Chrome OS tem aparência mais parecida com um navegador do que com um sistema operacional mais tradicional, como o Windows, o que se enquadra à ambição do Google de encaminhar os usuários à web, onde poderão ver a publicidade que o Google veicula.

A empresa anunciou que o sistema operacional estará disponível no final do ano que vem em netbooks de baixo custo que atendam às especificações de hardware, como o uso exclusivo de chips de memória, e não discos rígidos mais lentos, para armazenar dados, contrariando o padrão atual.

Leia o resto deste post »

, ,

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: