E ainda… Só a igrejinha não viu e nem vê


O mundo mudou e só “igrejina” não viu…

Ora, o mundo é “concreto” demais para amar o invisível…

Por isto os hebreus, quando se tornaram judeus, fizeram um Templo e praticamente adoravam mais ao Tempo do que a Deus.

Os cristãos originais resistiram quase 300 anos sem as “concreções” do mundo; depois se entregaram à Constantino e se tornaram uma Religião; e depois um Império; e hoje tem ainda seu Estado Vaticano; e os contrários têm seus impérios próprios…

O Protestantismo rebelou-se contra isto; mas nem tanto… Fez uma Dieta… Tirou os ídolos dos nichos… Diluiu em sua prática de autoridade a força demoníaca da autoridade papal… Porém, não podendo existir em meio a tanto valor abstrato apenas, fez de suas doutrinas as suas “realidades concretas”; fez da Bíblia/Livro/Sagrado seu ídolo contra os ídolos; sem falar que fez do “púlpito” sua “Arca da Aliança; sim, fez o seu “lugar santíssimo” [o templo/igreja]; e criou sua “classe sacerdotal”: os pastores, bispos e autoridades espirituais…

Os Islâmicos também são “monoteístas” de um Deus com terra própria; e mais: um Deus que somente ouve orações feitas a “Ele” com o corpo alinhado ao GPS geográfico de Meca, na Arábia Saudita; e ainda: com hora marcada para as orações […] cinco vezes ao dia…

Entretanto…

O convite de Jesus é para o nada mesmo…

Sim, é um seguir sem colunas, sem altares de pedra, sem templo pra fora, sem textos sagrados; mas apenas com Cartas Vivas; sim, escritas nos corações…

O mundo, todavia, mudou; e só igrejina não viu!

É claro que teremos o judaísmo, o cristianismo e o islamismo por muito tempo ainda…

Mas serão poderes em decadência!

As novas religiões com apelo na Terra são as que não têm ideologia política e nem autoridades fixas instituídas…

Ou seja: o mundo, na Era Quântica, está cada vez mais preparado para lidar com a fé pura e simples no Espírito; no Deus que é; embora não pareça que assim seja.

Você liga a tevê e percebe que para cada dez séries sendo exibidas no cabo, três ou quatro lidam com o paranormal, com assombrações ou com óvnis…

Ora, as três coisas são equivalentes à expressões como sobrenatural [paranormal], opressão ou possessão demoníaca [assombrações]; ou ainda a designações como Arcanjos, anjos, principados e potestades [óvnis]…

Pelo menos uma vez por semana […] penso demonstrar no “Papo de Graça” [no http://www.vemevetv.com.br] que a relação entre tais coisas é total, apenas variando na linguagem; sendo, portanto, uma diferenciação que se estabelece como diferente no dizer; e, sobretudo, em razão do “condicionamento” que a mente cristã ocidental tem em relação ao que seja o sobrenatural, o que sejam os demônios, fantasmas ou espíritos… E pior: com relação aos óvnis poucos discernem que são os velhos e mesmos seres que aí estão desde a antiguidade [vide o livre de Ezequiel]; — uns servindo ao Pai dos espíritos, o Senhor; outros servindo seu egoísmo e narcisismo alienígenas ou angélicos [para o mal]…

Somente quando os paradigmas de nossas interpretações milenares e sedimentadas em nós como fato caem por terra — é que nossa mente se abre para ver como nunca antes a humanidade esteve mais próxima dos poderes e realidades espirituais do que hoje!

Como Jesus predisse estaríamos também diante de coisas espantosas e de grandes sinais do e no céu!

Pois bem, as coisas cada vez mais espantosas nos cercam e cercarão; e os sinais nosdos céus apenas aumentam e aumentarão diante de nós!

Na Terra angustia, medo, desmaios de pânico; calamidades globais, regionais e locais; guerras, ameaças contínuas e homens com surto de poder mundial; na vida em geral Ele disse que cresceria a frieza e o desamor, e que por tal razão viriam as corrupções, as manipulações, o hedonismo das surubas, a bissexualidade como experimento da angustias e da falta de sentido; e tudo o mais que faz do mundo exatamente o lugar de agonia que ele é dia a dia mais e mais…

Ora, o que me assusta é ver que igrejina continua a não ver…

Sim, o mundo está acabando, mas igrejina pensa que se elegerem muitos evangélicos para os cargos de mando, o mundo mudará; sem ver que dentre as expressões do que seja mundo em decadência, ela, igrejina, quase não tem concorrente…

Deus nos livre de um mundo de “Deus”!

Sim, do “Deus” da igrejina, do judaísmo ou do islamismo…

O mundo estará melhor sem religião alguma do que com a gestão de tais principados e potestades religiosos!

Você pergunta: o que isso afeta a fé no Evangelho de Jesus?

Minha resposta é um simples em Nada!…

Afinal, a dissolvência de tais poderes tira todo engano de poder que alguns discípulos ainda têm [pelo vício do Cristianismo] — e os coloca no lugar sem lugar; em fraqueza e serviço simples e amoroso […]; que faz igrejina virar Igreja de Deus entre os homens; sim, ainda que sem poder segundo o mundo, mas cheia do poder que abala os poderes visíveis e invisíveis, como foi desde o principio o desejo de Jesus.

O sal há que se dissolver na terra!…

Sim; pois somente com a dissolvência do sal na terra a Luz brilhará no mundo; não de um velador feito por mãos de homens; posto que serão torres invisíveis; sim, feitas de Luz simples […] que brilhará de aparente lugar algum…

Entretanto, somente os que ficarem livres de toda idolatrias religiosa conseguirão ver o que digo!…

Nele, em Quem sei que falo,

Caio

Anúncios

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: